Franquias crescem 11,2% no primeiro semestre

Revista Pequenas Empresas Grandes Negócios

Franquias Crescem 11,2%

Um estudo da Associação Brasileira de Franchising mostra que o setor cresceu 11,2% no primeiro semestre de 2015. O faturamento alcançou o valor de R$ 63,885 bilhões, ante R$ 57,464 bilhões no mesmo período de 2014.

Para Cristina Franco, presidente da ABF, os franqueadores “fizeram sua lição de casa”. “O franqueador, nos últimos doze meses, reduziu custos, otimizou processos, motivou ainda mais a força de vendas, renegociou com fornecedores, alterou o mix de produtos. Não há zona de conforto no franchising. Mesmo com um bom mercado, um presta contas para o outro”, diz, em nota oficial.

A pesquisa apontou que houve um crescimento de 3,1% na abertura de novas lojas. O fechamento de unidades ficou em 1,2% no último trimestre de 2015. Com a variação, houve um incremento de 1,9% no total de unidades de franquias no Brasil – representando um total de 131.269 pontos de venda.

Segmentos de franquias

De acordo com a ABF, os 11 segmentos estudados aumentaram o faturamento em 2015. A área de Esporte, Saúde, Beleza e Lazer foi a que mais cresceu, alcançando faturamento 24% maior, de R$ 9,3 bilhões para R$ 11,5 bilhões no período.

Hotelaria e Turismo apresentou um crescimento de 15%, passando de R$ 4,2 bilhões para R$ 4,9 bilhões. Outro segmento que manteve bom desempenho foi Comunicação, Informática e Eletrônicos, registrando também 12% de crescimento nesse período: o faturamento subiu de R$ 1,7 bilhões para R$ 2 bilhões.

Já Alimentacão, o mais expressivo segmento individual do franchising, subiu 12%, saltando de R$ 11,4 bilhões para R$ 12,7 bilhões.

“O franchising está sofrendo menos do que as outras indústrias. O franqueado está sentindo a pressão dos custos, porém, menos que o empreendedor individual. O poder de negociação em rede beneficia a todos”, diz Cristina, presidente da ABF.

Regiões

Pela primeira vez, a ABF realizou um levantamento da distribuição do faturamento do setor por estado e região.

O estudo mostrou que, no primeiro semestre de 2015, a região Sudeste representou 59% da receita da indústria, seguida das regiões Sul (16%), Nordeste (14%), Centro-Oeste (8%) e Norte (4%).

#segmentodefranquias #segmentodefranquia #crescimentodasfranquias

 




Franquias crescem 11,2% no primeiro semestre
Deixe sua Nota para Nosso Post!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.