Coronavírus: Quais ações grandes empresas estão tomando no combate ao vírus

Coronavírus

Nova campanha da Chevrolet pede que clientes não usem seus carros e fiquem em casa

A Chevrolet é mais uma empresa a utilizar seu grande alcance para alertar ao público sobre a importância de ficar em casa. Em sua nova campanha “Não Use Seu Chevrolet”, a empresa ressalta a importância de praticar o isolamento social, atitude mais recomendada no momento para conter a propagação do novo coronavírus.

Outdoor da Coca-Cola, na Times Square, aumenta espaçamento das letras do logo para incentivar distanciamento social

Para ressaltar ainda mais um dos termos mais utilizados do momento durante essa pandemia, o distanciamento social, a Coca-Cola levou essa mensagem a um dos centros mais movimentados de uma das cidades mais populosas do mundo: a Times Square.

A companhia aproveitou seu icônico outdoor no distrito de Nova York para veicular uma mensagem sobre a prática de evitar contato e manter distância de outros na rua. Além da frase “Manter-se separado é a melhor forma de nos mantermos unidos”, a Coca-Cola também aumentou drasticamente o espaçamento de seu logo no meio.

Nubank anuncia fundo de R$ 20 milhões para apoiar clientes durante a pandemia do novo Coronavírus

O Nubank anunciou a criação de um fundo de R$ 20 milhões para apoiar seus clientes durante a pandemia de COVID-19, causada pelo novo coronavírus As verbas são provenientes de reduções de custos e de marketing, e custearão atendimento médico e psicológico remoto via vídeo (“teleorientação”), pedidos de supermercados e farmácias, entre outros serviços.

Ford se junta a Tesla e General Motors no reabastecimento de máscaras e respiradores mecânicos no combate ao novo Coronavírus

A Ford anunciou que que está trabalhando juntamente a 3M e a General Electricpara fabricar máscaras e respiradores mecânicos que estão em falta no mercado, em virtude da pandemia do novo coronavírus. A montadora se junta às concorrentes Tesla e General Motors, que também estão fazendo sua parte para manter os produtos no mercado.

Natura converterá fábricas na América Latina para produzir itens de higiene pessoal

A Natura & Co converterá temporariamente todas as suas linhas de produção de maquiagem e perfumaria na América Latina para fabricar apenas itens de higiene pessoal, incluindo álcool gel e líquido, segundo memorando interno visto pela Reuters.

Grupo LVMH fabrica milhares de litros de álcool em gel

A primeira boa ação do grupo foi a fabricação de milhares de litros de álcool em gel para o abastecimento dos hospitais públicos de Paris. Para manter a produção, as fábricas que usualmente produzem perfumes, foram adaptadas para a produção do material de higiene. Outra medida recente adotada pelo bilionário Bernard Arnault foi a encomenda de 40 milhões de máscaras de um fabricante chinês para abastecer o sistema de saúde francês.

Conglomerado Kering

A Gucci, principal marca do conglomerado, irá produzir e doar 1,1 milhão de máscaras e 55 mil aventais para a Itália. Com o intuito de evitar que médicos e policiais tenham que deixar de trabalhar (como aconteceu na Itália e na Espanha) as francesas Saint Laurent e Balenciaga também irão produzir equipamentos de proteção, e no momento só aguardam a regulamentação dos itens. Além das ações das três marcas, a Kering anunciou a compra de três milhões de máscaras cirúrgicas importadas da China. O segmento de óculos da Kering, junto às italianas Brioni e Pomellato também doaram € 2 milhões para hospitais das regiões da Lombardia, Vêneto, Toscana e Lazio.

Grife PRADA prometeu 80 mil macacões médicos e 110 mil máscaras

A grife prometeu entregas (que estão acontecendo diariamente) de 80 mil macacões médicos e 110 mil máscaras até o dia 6 de abril. Os artigos estão sendo produzidos na fábrica da Prada na comuna de Montone, na região da Umbria. Miuccia Prada e seu marido, Patrizio Bertelli, que são coCEOs da grife, também fizeram doações privadas: duas unidades de UTI e ressuscitação para os hospitais Vittore Buzzi, Sacco e San Raffaele, todos em Milão.

Armani

O proprietário e designer homônimo do grupo Armani foi um dos primeiros a pôr em prática ações relacionadas ao novo coronavírus. Seu primeiro gesto foi realizar o desfile da grife, que aconteceu no dia 23 de fevereiro durante a Semana de Moda de Milão, sem plateia. Na sequência, doou o total de US$ 1,3 milhão para três hospitais milaneses, ao Lazzaro Spallanzani National Institute em Roma e para a Agência de Proteção Civil da Itália.

Domino’s Pizza muda logo para estimular que a população fique em casa

O novo logo, criado pela marca apenas para as suas redes sociais, tem a intenção de conscientizar as pessoas a permanecerem em casa. Após lançar a “entrega sem contato”, com o objetivo de preservar entregadores e clientes, a rede Domino’s volta a oferecer a campanha de duas pizzas pelo preço de uma – um incentivo para que o cliente também possa pensar em oferecer um “carinho” ao seu vizinho, que vive as mesmas preocupações, nesses tempos de quarentena e isolamento social.

Segundo o presidente da Domino’s no Brasil, Carlos Eduardo Martins, o momento é de união, empatia e solidariedade. “Nós estamos trabalhando com todo o cuidado e adotando todas as medidas preventivas para a saúde dos nossos colaboradores para que os nossos clientes possam ficar em casa”, diz.

Além do Brasil, a rede Domino’s adotou a “entrega sem contato” em países como China, Itália, Portugal, Austrália e Estados Unidos. Para receber a pizza desta forma, basta que o cliente escreva ao final do pedido, no campo de pontos de referências do endereço, “entrega sem contato”. Assim, o entregador deixará a mochila (hot bag) na porta do edifício, da casa ou do apartamento e se afastará dois metros, aguardando que o cliente faça a retirada do seu pedido, que estará sobre a bolsa.

Editora Globo lança campanha de apoio a pequenos negócios durante pandemia

A Editora Globo está lançando a campanha “Apoie o Negócio Local”, que tem como objetivo dar visibilidade para micro e pequenos empreendedores. A ideia é ajudar esses trabalhadores a passar pela crise causada pela pandemia do novo coronavírus, que tem impedido que boa parte dos negócios dê continuidade às suas atividades por causa da necessidade de isolamento social.

Com a campanha “Apoie o negócio local”, os jornais O Globo, Extra e Valor e as revistas Pequenas Empresas & Grandes Negócios e Época Negócios, títulos da Editora Globo, reforçam a mobilização em torno desta proposta que, no atual quadro de pandemia e crise, é de utilidade pública. O projeto consiste na divulgação de vários conteúdos nas plataformas das marcas mencionadas. Os conteúdos serão disponibilizados ainda esta semana, e a iniciativa tem como objetivo inspirar pessoas e empresas grandes a ajudar empreendedores e negócios locais e de pequeno porte a atravessarem a crise.

Coronavírus: Quais ações grandes empresas estão tomando no combate ao vírus
Resultado das Avaliações do Post!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.