Franquia Oh My Dog!

Rede de hotdogs enormes fatura mais de R$ 1 milhão por mês

Com 16 lojas espalhadas pelos estados do Nordeste, a franquia Oh My Dog! vende mais de 130 mil lanches por mês 

 Jorge Kubrusly e Clóvis Queiroz, fundadores do Oh My Dog! (Foto: )

Empreender é, muitas vezes, desafiar as tendências. Foi o que fez o empreendedor de Fortaleza (CE) Jorge Kubrusly, 28 anos. Em 2012, na contramão da tendência do mercado de alimentos mais saudáveis, ele fechou seu restaurante especializado em kebabs e investiu em uma lanchonete de hotdogs imensos e super recheados, com lanches que chegam a 32 centímetro de comprimento e milhares de calorias. “Como o kebab não era um produto muito conhecido na região, não tínhamos bons resultados, então pensei em uma comida mais popular e que tivesse um modelo de negócio mais simples”, diz.

Kubrusly e seu irmão Victor, 27 anos, analisaram o mercado de todos os alimentos que conheciam. Juntos, perceberam que o cachorro-quente era a comida menos explorada na região. Depois de escolher o tipo de lanche, foi preciso pensar em uma estratégia para o negócio que, segundo Kubrusly, foi bem simples. “Pensamos que tudo que um hotdog precisava ter para ser diferente era tamanho acima do normal, com preço abaixo do normal.”

Para abrir a lanchonete Oh My Dog!, Kubrusly usou R$ 60 mil que conseguiu com o primeiro restaurante. O capital seria usado para reforma e capital de giro. Mas a obra consumiu 100% do valor e os empreendedores “precisavam vender os lanches do jantar para pagar os do almoço”. Após 90 dias, a lanchonete já tinha acumulado um montante de R$ 30 mil, que foi usado para pagar a formatação da franquia. Hoje, a rede de lanchonetes já conta com 16 lojas, espalhadas por cidades do Maranhão, Piauí, Paraíba e Ceará.

A escolha da prática de preços mais baixos ajudou a lanchonete a formar seu público, mas outro grande atrativo oferecido pela Oh My Dog! foram os molhos exclusivos, com receitas secretas, combinados com as coberturas exageradas e inovadoras. “A gente fez com o cachorro-quente o que já tinha sido feito com a pizza.  Transformamos o alimento em uma base na qual trabalhamos diversos sabores. Tanto que, hoje, o hotdog com estrogonofe é o lanche mais vendido da nossa rede”, afirma.

Os lanches da rede são finalizados com fatias de queijo gratinadas (Foto: Divulgação/Instagram)

Outras opções presentes no cardápio são lanches de salsicha com abacaxi, carne de sol, carne moída e milho, cebola caramelizada e bacon, pepperoni, e muitos outros – tudo sempre coberto por grossas fatias de queijo, finalizadas com um maçarico. Atualmente, o Oh My Dog! vende, em média, 4 mil lanches por mês em cada loja, sendo que o preço médio do hotdog é de R$ 16.

Uma curiosidade da primeira lanchonete é de que os planos de Kubrusly era de investir apenas R$50 mil na obra do restaurante e deixar R$10 mil para capital de giro. No fim, os gastos com obras foram maiores que o esperado e Kubrusly ficou em uma situação em que “era preciso vender os lanches do jantar para pagar os do almoço”.

Expansão da marca

A Oh My Dog! possui quatro modelos de franquias: quiosques de shopping, lojas container, lojas de shopping e lojas de rua. O rendimento médio da franquia é de R$ 80 mil, com lucratividade de 15%. “Esperamos que esse valor aumente 50% com a nossa expansão para o sudeste”, diz Fabio.

O jovem conta que o plano é abrir 10 unidades da lanchonete na cidade de São Paulo e em outros pontos da Grande ABC. “Estamos fazendo as projeções, o estudo de estoque e os modelos das lojas para que tudo dê certo”, explica. Saiba mais sobre essa e outras franquias no nosso Banco de Franquias (Franchisingbook).

Fonte: PEGN – Editado por Franchisingbook

 

Rede de hotdogs enormes fatura mais de R$ 1 milhão por mês
Deixe sua Nota para Nosso Post!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.